Skip to main content

Importando e lucrando

Como você já viu nos outros tópicos, a importação da China é um ótimo negócio para muitos tipos de produtos, mas quem deseja adquirir roupas originais de marcas famosas talvez não consiga seu objetivo com sites chineses, ou sofra para encontrar.
A melhor opção nesse caso é importar roupas diretamente das lojas oficiais no exterior, pois assim o risco de que o produto seja pirata é nulo.

Quanto custa uma roupa no exterior

O preço de uma peça de roupa importada é bem baixo, pois a mão de obra nas fábricas dos países exportadores é barata e a carga tributária é bem mais leve do que no Brasil. Sem falar que as mercadorias colocadas à venda nas lojas daqui ainda contém a margem de lucro dos lojistas e representantes. Tudo encarece o processo. Isso faz com que roupas que custam 30 dólares no exterior não saiam por menos de R$ 150,00 ou R$ 200,00 aqui. Alguns países tem se destacado pelo baixo custo de fabricação (como o Peru, por exemplo). Essa diferença de preço permite que algumas pessoas (sábias) se dediquem a estudar o mercado e entender como importar roupas pagando bem pouco, liberando uma enorme margem para revender aqui no Brasil. Opções de lojas para vender no Brasil não faltam: Mercado Livre, Toda Oferta ou até mesmo criando sua própria loja virtual para fazer promoções (alguns sites disponibilizam essa opção).

Importar é simples ou há segredos?

O João Pedro, autor do curso “Fórmula da Importação”, ficou impressionado quando uma pessoa mostrou que comprar roupas nos Estados Unidos era barato e simples. Então ele resolveu estudar o mercado e percebeu que muitas pessoas tentam criar sua própria loja virtual, mas não sabem como vender, enquanto outras nem ao menos conseguem importar sem serem taxadas na alfândega.
Importar não é difícil, você pode comprar roupas diretamente das lojas fabricantes, mas infelizmente poucas lojas virtuais estrangeiras oferecem entrega para o Brasil. Com isso, um processo a mais é necessário: contactar fornecedores realizando drop shipping. O Drop Shipping é um tipo de venda onde um fornecedor efetua a compra da roupa que você escolheu e envia ela para você. Obviamente, esse fornecedor precisa ser de confiança!
Além disso, os importadores experientes no ramo vestuário sabem alguns truques para não ser taxado e pagar um valor inferior àquele apresentado na loja virtual. Isso mesmo, existem técnicas onde a loja estrangeira não descobre que você é brasileiro e vende o produto mais barato (caso não saiba, os preços dessas lojas virtuais não são unificados mundialmente. Os compradores locais pagam bem menos pelo produto do que os compradores internacionais, sem considerar os efeitos da tributação).

Você escolhe onde começar

Então você tem a opção de testar alguns fornecedores e arriscar umas compras por conta própria ou consultar alguém experiente no ramo para aprender todos os macetes. Se você tentar comprar diretamente nos sites das marcas, irá se deparar com algumas situações: o frete pode sair muito caro, as empresas podem não aceitar enviar para o Brasil ou a loja pode não aceitar seu cartão de crédito emitido no país.
A grande questão é que existe um procedimento muito inteligente e totalmente legal que as empresas aceitam, permitindo que você receba os produtos no Brasil a um custo muito baixo. Isto funciona para diversas lojas de roupas como a Hollister, Abercrombie, etc.

Aprendendo como importar roupas

Recomendamos que você opte pelo caminho mais fácil, que é fazer um curso com quem entende do assunto. Apesar de não ser tão barato, o curso Fórmula da Importação sem dúvidas irá permitir que você recupere o valor investido já na primeira importação. Quando você pegar os macetes desse mercado, verá que o consumo próprio é apenas a ponta o iceberg: você pode importar roupas para amigos, familiares e, é claro, revender também para pessoas do Brasil todo. O conhecimento nesse nicho tem muito valor, pois poucas pessoas sabem fazer importação rentável de verdade. A maioria se contenta com uma economia de alguns poucos reais, deixando de aproveitar dezenas ou centenas de reais de diferença em cada peça comprada.
Então fica a dica!

Comments

Popular posts from this blog

HairLoss Blocker Funciona Mesmo?【Veja Antes que De Comprar】

Bom… Se você está nessa página, é porque está se perguntando se esse produto para a calvície funciona mesmo. De tanto farejar, eu já sabia que DHT é responsável pela queda dos cabelos e também que uma sustento rica em vitamina C e também Zinco é importante para combater esse problema que eu constantemente sofri, tanto que mesmo antes de consumir Hairloss Blocker, eu já havia encetado a me cevar de uma forma mas balanceada. HairLoss Blocker Diminui a Queda de Cabelo: Com uso contínuo do resultado, em apenas 10 dias já é possível perceber a subtracção da queda de cabelos, isso acontece porque resultado fortalece bulbo capilar iniciando processo de restauração do couro cabeludo. Porém não para por aí. Seus ingredientes são naturais e também atuam de dentro para fora, melhorando não somente a queda de cabelo porém também a saúde masculina como um todo. Agora posteriormente 1 ano eles estão começando a cair repetidamente, irei procurar médico de novo para fazer as aplicações e também i…

O que é uma monografia?

Os trabalhos monográficos constituem parte importante da formação dos acadêmicos, sejam eles estudantes de graduação ou de pós-graduação. Por esse motivo, necessitam de rigor metodológico e não podem ser submetidos à pura espontaneidade criativa de quem os elabora (Medeiros e Tomasi, 2008). Assim, os aspectos metodológicos – instrumentos utilizados para dotá-los de tal modelagem – ganham progressivamente mais relevância à medida que o pesquisador vai se familiarizando com as normas e especializando-se no ato de pesquisar (Vianna, 2001). O percurso é o mesmo, diferenciando-se no propósito da investigação e no apuramento do método científico. Enquanto os cientistas trabalham para fazer avançar o conhecimento científico, os estudantes buscam aprimorar-se gradativamente nas técnicas de pesquisa, seguindo as regras da metodologia científica. Ambos trabalham de maneira científica, isto é, seguem alguns princípios científicos básicos: – o objeto de estudo escolhido precisa ter uma …